Maestros & Solistas- Orquestra Clássica de Espinho

Maestros & Solistas


Maestro Titular

Pedro Neves

Pedro Neves é actualmente maestro titular da Orquestra Clássica de Espinho.

Foi maestro titular da Orquestra do Algarve entre 2011 e 2013, e posteriormente, maestro associado da Orquestra Gulbenkian entre 2013 e 2018. É convidado regularmente para dirigir a Orquestra Gulbenkian, a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, a Orquestra Sinfónica Portuguesa, a Orquestra Metropolitana de Lisboa, a Orquestra Filarmonia das Beiras, a Orquestra Clássica do Sul, a Orquestra Clássica da Madeira, a Orquestra Sinfónica do Estado de São Paulo, a Orquestra Sinfónica de Porto Alegre, a Orquestra Filarmónica do Luxemburgo, e a Real Filarmonia da Galiza.

No âmbito da música contemporânea tem colaborado com o Sond’arte Electric Ensemble, com o qual realizou estreias de vários compositores portugueses e estrangeiros, realizando digressões pela Coreia do Sul e Japão, com o Grupo de Música Contemporânea de Lisboa, com o Remix Ensemble Casa da Música e com o Síntese Grupo de Música Contemporânea. 

É fundador da Camerata Alma Mater, que se dedica à interpretação de repertório para orquestra de cordas, e com a qual tem recebido uma elogiosa aceitação por parte do público e da critica especializada.

Pedro Neves iniciou os seus estudos musicais na sua terra natal, estudou violoncelo com Isabel Boiça, Paulo Gaio Lima e Marçal Cervera, respectivamente no Conservatório de Música de Aveiro, Academia Nacional Superior de Orquestra, em Lisboa e Escuela de Música Juan Pedro Carrero, em Barcelona, com o apoio da Fundação Gulbenkian. No que diz respeito à direcção de orquestra estudou com Jean Marc Burfin, obtendo o grau de licenciatura na Academia Nacional Superior de Orquestra, com Emilio Pomàrico em Milão e com Michael Zilm, do qual foi assistente. O resultado deste seu percurso faz com que a sua personalidade artística seja marcada pela profundidade, coerência e seriedade da interpretação musical.

Pedro Neves is Principal Conductor of the Espinho Classical Orchestra.

He was Principal Conductor of the Algarve Orchestra between 2011-2013 an Associated Conductor of the Gulbenkian Orchestra between 2013-2018. Is a regular guest conductor with the Porto Symphony Orchestra of the Casa da Música, the Gulbenkian Orchestra, the Portuguese National Symphony, the Metropolitan Orchestra of Lisbon, the Beiras Philharmonic, the Madeira Classical Orchestra, the Porto Alegre Symphony Orchestra, the São Paulo Symphony Orchestra, the Luxembourg Philharmonie Orchestra and Real Filharmonia Orchestra.

In the contemporary music field has collaborated with Sond’arte Electric Ensemble, premiering various works of both Portuguese and foreign composers, and toured Japan and South Korea, with Remix, the resident new music ensemble of the Casa da Música, with Grupo de Música Contemporânea de Lisboa and with Síntese Grupo de Música Contemporânea.

He is the founder of Camerata Alma Mater, a string chamber orchestra based in Lisbon whose concerts have been very well received by the audience and critics.

Pedro Neves studied cello with Isabel Boiça, Paulo Gaio Lima and Marçal Cervera, respectively, at the Aveiro Music Conservatory, Lisbon National Superior Academy for Orchestra and Escuela de Música Juan Pedro Carrero in Barcelona, with the support of the Calouste Gulbenkian Foundation. He studied conducting with Jean Marc Burfin, obtaining his degree in the Lisbon National Superior Academy for Orchestra, and with Emilio Pomàrico and Michael Zilm, of whom he was assistant. This path makes that his artistic personality is marked by a profound, consistent and serious musical interpretation.


Maestros Convidados

Nuno Coelho

Jan Wierzba

Jean-Marc Burfin


Solistas Convidados

Pedro Meireles

violino

Javier Perianes

piano

Leia Zhu

violino

Raquel Areal Martinez

violino

Iago Domínguez

violoncelo

Cristiana Neves

trompa

Yamandu Costa

violão de 7 cordas

David Grimal

violino

Tiago Amado Gomes

tenor
A Associação