50.º Festival Internacional de Música de Espinho

Dia da Percussão

Dia da Percussão© Bruno Nacarato
13 Julho, Sáb - 11:00
m/6
60 minutos

DIA DA PERCUSSÃO
ENTRADA LIVRE

→  11H00, no Auditório de Espinho | Academia

Nuno Aroso percussão

Nuno Aroso é uma referência da percussão portuguesa. Neste recital, serão apresentadas obras do século XXI para esse conjunto de instrumentos, enriquecido com meios eletrónicos. Os compositores portugueses Álvaro Salazar, figura ímpar do Modernismo, e Luís Antunes Pena, valor seguro das novas vanguardas partilham o programa com a japonesa Misato Mochizuki, num desfile de paisagens sonoras em que o som e o timbre é explorado na sua essência.

→ 12H00, no Auditório de Espinho | Academia

Rachel Zhang marimba

A percussão é a rainha deste dia do FIME e conta com grandes intérpretes. Rachel Xi Zhang é uma intérprete chinesa que se fixou em Amesterdão. iniciou os estudos musicais em piano, mas a sua curiosidade pela percussão levou a melhor. A marimba foi a sua eleita. Atualmente, é uma referência mundial do seu instrumento e desenvolve projetos em grande proximidade com compositores. Neste recital, apresenta-nos as ressonâncias de madeira num projeto que reflete a sua abordagem estética muito pessoal.

→  14H30, na Sala Mário Neves (Academia de Música de Espinho)

"Percussive Thoughts"
À conversa com Nuno Aroso e Rachel Zhang

INSCRIÇÕES

→  16H00, no Auditório de Espinho | Academia

GP ESART (Castelo Branco)
Gru(P)UA (Aveiro)
GPEPME (Espinho)

A percussão é um instrumento social e a música de conjunto é fundamental. Tocar e ouvir em grupo faz parte da formação quotidiana dos músicos. O encontro de percussionistas alimenta uma troca de experiências muito especial. Neste concerto, reúnem-se três grupos com fortes ligações à Escola Profissional de Música de Espinho - os diretores musicais deles foram alunos da escola -, são eles o Grupo de Percussão da Escola Superior de Artes Aplicadas de Castelo Branco, o grupo de Percussão da Universidade de Aveiro e o Grupo de Percussão da Escola Profissional de Música de Espinho. Nesta junção, mapeamos a história da percussão em Portugal através de várias gerações de músicos. Um concerto de troca de experiências sonoras entre músicos e públicos.

→  18H30, no Largo Graciosa (Rua 8, 13)

Percussão na Rua — Coreto da Graciosa
OFICINA (15H30 ÀS 17H30) + CONCERTO DE RUA (18H30)

INSCRIÇÕES OFICINA

→  22H00, no Auditório de Espinho | Academia

Pulsat Percussion Group

A percussão é uma presença assídua no FIME. Para terminar com chave de ouro um dia dedicado a esse conjunto de instrumentos, o grupo Pulsat traz-nos música dos Estados Unidos da América, numa viagem eclética e apaixonante pelas paisagens sonoras desse vasto território. Misturando obras marcantes do reportório, da autoria de compositores consagrados do experimentalismo americano, e peças de jovens músicos, é uma excursão sem passaporte pela diversidade expressiva da percussão norte-americana. Contando com uma cantora e eletrónica, explora geometrias variáveis de ritmos, timbres, dinâmicas e alturas, num concerto inesquecível. As ressonâncias do Novo Mundo, pulsando no Auditório de Espinho.

Consultar o programa do concerto aqui.

Bilhetes

Evento já realizado.

Newsletter
A Associação