Clássica
Orquestra Clássica de Espinho
Pedro Meireles violino
Pedro Neves direcção musical
© Tiago Martins
13 Novembro, 2020 - 20:45
m/6
70 minutos

O violino sobe à ribalta no tradicional concerto da Orquestra Clássica de Espinho, integrado na iniciativa Anta - Capital do Violino. O concerto de Dvorák, compositor que colocou a identidade checa em música, funde o virtuosismo com o ideal sinfónico romântico numa obra de cunho marcadamente pessoal. Os sons dos povos da Transilvânia participam no modernismo das Danças romenas de Béla Bartók, obra escrita para piano e orquestrada pelo compositor durante a Primeira Guerra Mundial. A primeira audição moderna do concerto para violino do portuense Augusto Marques Pinto, que desempenhou um papel importante na vida musical da cidade, é uma aposta na divulgação do repertório do Romantismo português, esse património desconhecido.

Programa

Antonín Dvořák  
Concerto para Violino em Lá Menor, op. 53 

Béla Bartók
Danças folclóricas romenas, Sz. 68, BB 76 

Augusto Marques Pinto
Primeiro concerto para violino e orquestra 

Bilhetes
13 de Novembro 20h45 Normal: 8€ Cartão Amigo: 4€Indisponível
A Associação